Especialmente hoje trago um texto que classifiquei como terror político do amigo do Facebook William Lima

Não precisa de Bola de Cristal

O ano é 2050, a turma é do 1° ano do ensino médio, a disciplina é Verdade histórica, a aula é a única da grade curricular de história de todo o ano e dura apenas 40 minutos. O professor, com seus 64 anos, 38 em sala de aula, e que trabalha em 8 escolas e faz bico como caixa do Walmart nos finais de semana, está cansado de seguir as regras estritas estabelecidas pelo governo do primeiro ministro Marinho e decide botar tudo a perder. Entra na sala e começa:
– Bom dia. Hoje não vamos iniciar a aula com a oração, guardem suas bíblias eletrônicas, vamos apenas conversar. Teremos uma aula de história do Brasil.
Os estudantes, incrédulos, não sabem o que dizer, afinal foram treinados para obedecer, mas sabem que não fazer a oração é um absurdo e ficam assustados.
– Mas professor, sobre o que vamos falar?
– A aula de hoje será sobre 2016 e como este ano mudou os rumos do país.
– O ano do fim do comunismo no Brasil? Isso já sabemos. É o que aprendemos desde pequenos.
– Não, vocês não sabem.
Espanto geral. O professor estaria questionando a cartilha do Ministério da Educação, Cultura, Esporte, Ética, Religião e Moral, comandado pelo grande político Neves, neto de outro Neves, tataraneto de mais um político Neves?
O professor continua:
– Vocês sabiam que cerca de 30 anos atrás existiam escolas gratuitas e que o Estado bancava a educação? Elas, inclusive, estavam entre as melhores do país. Os hospitais podiam atender de graça….
– Que absurdo professor! E quem pagava a conta?
– A conta era paga com os impostos, os mesmos que ainda pagamos. Existia todo um sistema público criado para dar suporte e evitar epidemias como a de pólio de 2042 ou a de meningite, de 2044. O Estado possuía uma ampla estrutura que ia desde vacinas gratuitas até internações hospitalares e tratamento contra o câncer.
João, neto de um político cassado na reforma política que instituiu o fim do presidencialismo e dos partidos de esquerda, em 2025, já havia ouvido algo sobre o assunto e se interessou:
– E como tudo mudou?
– Quando o presidente Temer Golpista assumiu, após o Golpe contra a presidenta Dilma Rousseff…
– O que é golpe?
A palavra que foi banida da língua portuguesa em 2025, após a reforma ortográfica, precisou ser esmiuçada pelo professor que teve muito trabalho em se fazer entender.
– Como eu ia dizendo, em 2017, Golpista congelou todos os investimentos em educação, saúde, segurança… por 20 anos e quando o primeiro ministro Marinho assumiu o poder, em 2036, ele resolveu manter aquele pacote de medidas, assim como as demais, aprovadas durante as segunda e terceira décadas do século XXI. A lei de obrigatoriedade do ensino bíblico, de proibição da homossexualidade e/ou qualquer aberração humana e a manutenção da Rede Globo como emissora oficial do governo, por exemplo.
– O que mais que mudou? Pergunta João.
– Já ouviram falar em aposentadoria?
Alguns estudantes dão risadas contidas.
– Aposentadoria? Palavra engraçada, o que significa? Questiona Maria Júlia.
– Antigamente, antes de morrer, você podia parar de trabalhar e o Estado te pagava um salário pra você aproveitar a velhice…
Toca o sinal. Está na hora da aula de Ética Moro. O professor se despede da turma e caminha em direção à saída da escola, no caminho é preso pela conhecida polícia política, responsável por garantir que a Lei da escola sem partido seja cumprida. Condenado e preso, o professor pode finalmente parar de trabalhar.

No dia seguinte os colegas de turma não têm mais notícias de Maria Júlia e João.

(Eliton Felipe de Souza, professor de história)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s